Escola secundária Mártires do Mbuzine ganha mais 8 salas de aula, DR

Escola secundária Mártires do Mbuzine ganha mais 8 salas de aula

Vânia Muchanga,

Governadora da Cidade de Maputo, Iolanda Cintura, lança primeira pedra para a construção de oito salas de aula, na Escola Secundária Mártires do Mbuzine, no bairro Magoanine C, distrito municipal Ka Mavota.

Cerimónia igual teve lugar na Escola Secundária Joaquim Chissano, onde vão se construídas dez salas de aula.

Prevê-se que as obras terminem em Novembro, nas duas escolas.

No período diurno a escola Mártires de Mbuzine lecciona o nível primário, e no curso nocturno o nível médio e as oito salas em construção destinam-se ao ensino secundário.

Segundo a directora desta escola, Ludmila Odete, a construção do bloco com oito salas, quatro sanitários e um muro de vedação, vai equilibrar o rácio aluno-professor, no distrito.

A escola Mártires de Mbuzini, no Distrito de Ka Mavota, lecciona actualmente em catorze salas e as obras de ampliação do estabelecimento estão orçadas em mais de vinte e quatro milhões de meticais.

Por sua vez, a Escola Secundária Joaquim Chissano, no Bairro Albazine, espera igualmente colmatar a superlotação de turmas, com a construção de dez novas salas, segundo Teles Sabão, o director da escola.

A Governadora da Cidade de Maputo, Iolanda Cintura, disse que as novas salas de aula vão minimizar a superlotação das turmas e a procura de escolas secundárias, a nível do distrito municipal Ka Mavota.

Escola Secundária Joaquim Chissano é a única que lecciona o nível médio, no Bairro Albazine, na Cidade de Maputo.

Autores

Vânia MuchangaVânia Muchanga...