Mercado Zimpeto, Media Mais

Reaberto mercado grossista do Zimpeto,

Vânia Muchanga,

Reabriu esta sexta-feira (26 de Junho), o mercado grossista do Zimpeto, que havia sido encerrado temporariamente para a requalificação e reorganização, em prevenção da COVID-19.

Com a reabertura, mais de 600 vendedores a grosso serão enquadrados em diferentes sectores de actividade comercial. 

Entretanto, as actividades comerciais ainda não foram retomadas, aguardando-se pela entrada dos vendedores que operavam num espaço cedido pelo Conselho Municipal da Cidade de Maputo, explica o director de Mercados e Feiras, Emídio João.

Segundo a fonte, as actividades passam a ser em regime de rotatividade, para evitar aglomerados, em prevenção da COVID-19.

Por outro lado, o mercado grossista do Zimpeto vai privilegiar vendedores a grosso, sendo proibida a venda a retalho. 

Os operadores de actividades complementares, como vendedores de cereais e refeições, também vão poder operar no mercado grossista. 

A gestão de resíduos sólidos nos mercados é uma das preocupações do Conselho Municipal da Cidade de Maputo, e o director de Saúde e Acção Social, Hélder Muando, explica que será implementado um projecto de recolha frequente de resíduos sólidos para higienizar o maior mercado da capital do país. 

Os importadores de batata e cebola congratulam a edilidade pela iniciativa, e consideram desafios de operação a dependência e o elevado custo de aquisição da mercadoria. 

Para além do uso da máscara, no mercado grossista do Zimpeto, passa a ser obrigatório a lavagem das mãos e medição da temperatura à entrada e  nos estabelecimentos comerciais.

Autores

Vânia MuchangaVânia Muchanga...